Dia Internacional do Meio Ambiente – Impactos na economia com processos digitais da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente de São Paulo

Nada melhor para representar ações de respeito ao meio ambiente do que o exemplo da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente de São Paulo – SIMA, que há 2 anos iniciou o processo de Transformação Digital de seus processos administrativos e os resultados beneficiaram diretamente pessoas e recursos naturais. 

Os números impressionam, e os ganhos vão além de apenas economia financeira, mas melhoria do desempenho das equipes, economias de tempo, espaço e transparência na relação serviços público X cidadão, e o Meio Ambiente. 

Desde a implantação do sistema e-ambiental, em maio de 2017, são mais de 319 mil processos digitais, economizando 159 mil horas de trabalho. O equivalente ao trabalho de uma equipe de 86 servidores por um ano inteiro, apenas montando manualmente os processos físicos em papel. E falando em papel, a economia com os processos físicos, neste mesmo período, é de 17 milhões de folhas de papel, num total de R$ 9,5 milhões economizados só em material de escritório! 

 

 

Dinheiro, tempo e pessoas focadas num atendimento público muito mais eficiente. E, claro, toda essa agilidade beneficia também na economia de recursos naturais envolvidos nesses processos. Mais de 210 kw de energia, 4 milhões de litros de água e 638 árvores poupadas, além de 51 toneladas de CO² a menos na atmosfera.    

Toda a mudança promovida pela SIMA é possível através da tecnologia e do uso de sistemas de gerenciamento de processos e também, pela mudança de mindset de gestores públicos alinhados com um novo modelo de gestão, onde o cidadão é parte dos processos e espera o melhor desempenho das instituições públicas e seus servidores. Atualmente, o e-ambiental possui 58.884 usuários ativos no portal. 

Segundo Fernando Munhoz, Coordenador do projeto na SIMA pela Softplan, “Trabalhar nesse projeto de transformação digital está sendo uma oportunidade extremamente positiva. É memorável contribuir para a melhoria na eficiência nos serviços públicos, principalmente quando promovemos a celeridade de processos de preservação e fiscalização do meio ambiente, assunto que é prioridade para a atualidade. 

 

Em São Paulo, além da SIMA outras Instituições já possuem processos 100% digitais, um exemplo é o Tribunal de Justiça e Secretaria Municipal de SaúdeA Transformação Digital nessas instituições contou com tecnologia Softplan, empresa catarinense com 29 anos de experiência no desenvolvimento de soluções para o setor público. 

Fale com um de nossos especialistas!

Deixe um comentário

catorze − um =