Um novo software de gestão de obras públicas, que permitirá à população acompanhar em tempo real todas as informações sobre obras em Criciúma, será lançado pelo Governo Municipal. O objetivo da iniciativa é trazer mais transparência, integrar e informatizar processos e facilitar o acesso da comunidade a dados sobre obras, realizadas pela Secretaria de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana do município.

  “É mais uma ferramenta de extrema importância para Criciúma. Cada cidadão que queira acompanhar as obras do município vai conseguir em tempo real, por meio do nosso mapa interativo de obras que terá todas as informações sobre prazos, investimentos, contratos, vídeos e fotos. Tudo isso estará integrado ao Portal Transparência do Município”, explicou o secretário de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana, Tita Belloli.

Além de trazer mais transparência e informações sobre projetos em andamento na cidade, o software pretende aumentar a eficiência na gestão e supervisão deles.

“Vamos ter um diário de obras com todas as informações, referentes ao andamento da construção, o que foi feito em cada dia. Com isso, vamos ter um controle preciso e assertivo para o cumprimento e execução do contrato e prazos”, disse Belloli.

Projeto para uso do software de gestão de obras públicas

A diretoria de Tecnologia da Informação (TI) de Criciúma foi a responsável pelo planejamento do projeto. Os estudos iniciaram no final de 2019.

“Nós queríamos desenvolver uma solução informatizada que integrasse todas as informações dos contratos de obras, de uma forma ágil, inteligente e fácil. Por isso, analisamos e entendemos todos os processos envolvidos na Secretaria para garantir uma ferramenta que agilizasse os processos e suprisse as demandas de fato”, contou o diretor da TI, Tiago Ferro Pavan.

Atendimento alterado em fevereiro

Por conta da capacitação dos profissionais para o uso do software de gestão de obras públicas, a secretaria prestará atendimento às empresas apenas no período da tarde, das 13h às 17h. Já que na parte da manhã será realizado os treinamentos. O regime funcionará dessa forma durante 15 dias, iniciando no dia primeiro de fevereiro e encerrando no dia 15.

 

Matéria completa:  Sul Notícias , TN Sul   ,  e OCP Notícias

 

Leia mais:

Deixe um comentário